La Casa de Papel 1 Temporada, Serie Netflix – Critica

La Casa de Papel 1 Temporada Critica – Série original Netflix de 2017, também conhecida como Money Heist. Essa é uma resenha da temporada 1 sem Spoilers, apenas alguns comentários sobre essa temporada da série. O primeiro ano de La Casa de Papel foi produzido pelo canal Antena 3 e foi um grande sucesso pelo mundo todo por causa da distribuição do serviço de streaming da Netflix.

La Casa de Papel 1 Temporada, Serie Netflix – Critica

La Casa de Papel 1 Temporada

A primeira temporada de La Casa De Papel inicia com uma proposta de urgência, os personagens e o proposito final são mostrados com clareza e não se tem muita enrolação em quanto a isso. O problema mesmo acontece quando a série resolve dar substancia para os personagens que até então eram conhecidos apenas por nomes de cidades do mundo. É claro que em qualquer obra seja cinema ou série, existe uma necessidade de esclarecer as motivações dos personagens principais para que o público se identifique e passe a se importar com eles, a questão maior é que em muitas cenas esses esclarecimentos e construções de alguns personagens passam do ponto e acabam tirando um pouco o ritmo que a série havia criado no começo.

La Casa de Papel 1 Temporada

No principio, La Casa De Papel apresenta a personagem Tokio (Úrsula Corberó) como a protagonista, até pelo fato dela ser a narradora dos fatos, isso já deixa bem claro de que ela é a principal da história. Porém, durante a trama, Tokyo começa a perder totalmente o brilho e nenhuma de suas ações são justificadas. Para uma fugitiva e perigosa, ela acaba se tornando o membro mais amador do grupo, colocando suas prioridades a cima de todos e ignorando a decisão de um coletivo.

Elite 3 Temporada

Bloodshot filme

The Witcher Serie Netflix

Protagonistas e Ritmo

La Casa de Papel 1 Temporada

A partir dai, a série passa a tornar Berlin (Pedro Alonso) seu protagonista. Existe uma distribuição satisfatória entre os personagens, cada um deles recebe um bom tempo de tela que acaba destacando cada um a sua maneira. Mas Berlin é de fato o personagem mais cativante. É curioso porque a série deixa claro que o público gosta de pessoas excêntricas e é tudo que Berlin é.

La Casa de Papel 1 Temporada

O plano do assalto tem algumas falhas. O fato de ser demorado ajuda com que fique cansativo de ser assistido. Parece que a série transforma o espectador em um dos reféns já que não podemos fazer nada para a história avançar, somos obrigados a ficar sentados e assistir os mesmos erros sendo repetidos em um loop de escolhas que poderiam ter sido evitadas.

La Casa de Papel 1 Temporada

O fato do personagem do Professor (Álvaro Morte) estar sempre duas casas a frente dos policiais, torna alguns desfechos previsíveis. Por que mesmo que a situação pareça perdida, lembrados que o personagem já tem tudo planejado e nada vai sair do controle.

La Casa de Papel 1 Temporada

La Casa De Papel tem uma primeira temporada satisfatória, que começa com muita energia e aos poucos vai se desgastando com vícios narrativos. Encerra com um gancho quase que apelativo mas que funciona e prende o espectador para a próxima temporada.

Reply