Raya e o Último Dragão (2021) | Critica

Resenha critica do filme Raya e o Último Dragão (2021). Sinopse: Em Raya e o Último Dragão, Kumandra é um reino habitado por uma vasta e antiga civilização conhecida por ter passado gerações venerado os dragões, seus poderes e sua sabedoria. Porém, com as criaturas desaparecidas, a terra é tomada por uma força obscura. Quando uma guerreira chamada Raya, convencida de que a espécie não foi extinta, decide sair em busca do último dragão, sua aventura pode mudar o curso de todo o mundo.

Raya e o Último Dragão Critica

Raya e o Último Dragão Critica

Um dos filmes mais subestimados do ano que não vejo ser muito falado. ‘Raya e o Último Dragão‘ fala sobre confiança, que é uma clara alegoria sobre a união de povos. O filme carrega uma carga dramática necessária mas que aos poucos é convertida em humor, com um alivio cômico bem eficaz, que não soa forçado, é tudo natural e na medida certa.

Raya e o Último Dragão Critica

Um ponto positivo que ajudou o filme a ser melhor trabalhado é não ser um musical, pois assim a história consegue se manter firme quando necessária, sem sair tanto do foco, é de fato uma aventura de uma guerreira com um objetivo certo e nessa parte o filme se leva muito a sério.

Raya e o Último Dragão Critica

As muitas ambientações são bem direcionadas, temos a protagonista seguindo em sua aventura enquanto a proporção dos ambientes é bem marcada e de fácil entendimento, além de tudo visualmente lindo, passando por vários elementos como água, terra, fogo e ar, sendo também um paralelo com as regiões.

‘Raya’ é uma ótima aventura, com personagens profundos e diversos, além de uma trama que envolve bastante misturando o drama com a comédia de um jeito que flui demais.

[yasr_overall_rating]

Raya e o Último Dragão Critica




Reply

Deixe uma resposta