Critica | Democracia em Vertigem (2019)

Critica Democracia em Vertigem (2019)

Critica Democracia em Vertigem – Um filme documentário que narra o ponto de vista de Petra Costa sobre a democracia do Brasil. Ela aborda os bastidores dos acontecimentos antes e pós impeachment. Petra é filha de militantes da esquerda e neta de conservadores, o que não é diferente de muitas famílias brasileiras. A construção narrativa de apresentar o seu ponto de vista acrescenta naturalidade aos fatos, mesmo ela sendo totalmente parcial e isso não é problema e ela não esconde o seu posicionamento.

Critica Democracia em Vertigem
Acompanhamos o começo da ascensão de Lula e todo o desdobramento cultural de quando ele foi eleito até os dias de hoje. Todos os pontos de vistas são apresentados, não só de políticos como da população em volta. As discussões fervorosas que tomariam conta do país a partir dali, vinham só aumentando e dividindo as pessoas em dois lados, que muitas vezes nem mesmo elas sabiam ao certo pelo o que estavam lutando.

‘Você’ (You) – Primeiro cartaz da 2ª Temporada é divulgado

Stranger Things – Netflix divulga trailer final da 3ª Temporada

Critica | A Sereia: Lago dos Mortos (2019)

Critica Democracia em Vertigem
O tom melancólico é mantido boa parte do documentário e no fim acaba nesse mesmo tom. As locações iluminadas que são capitadas durante todo o filme são mostradas nas sombras, fazendo um contraste ao que viria a seguir, sobre os acontecimentos que sucumbiriam Lula e Dilma. Em alguns momentos a narração soa como exagerada do ponto de tentar enaltecer demais o que poderia ser apenas um elogio simples.

Critica Democracia em Vertigem

Toda narração e narrativa do filme, entrega Petra como a protagonista dos acontecimentos ao seu redor, e toda sua jornada de descobrimento da democracia e sua posição sobre ela. Todas as eleições em que Lula e Dilma ganham é mostrado o ar de vitória e paixão não só vindo dela como das pessoas que a cercão. É quase como se mesmo que seja uma história sobre a democracia, acaba sendo sobre ela mesma, sobre sua história, sobre sua vivencia.

Critica Democracia em Vertigem

A relação de Dilma e Lula é mostrada de forma conturbada por um dialogo entre Dilma e a mãe de Petra, entre olhares sugestivos e palavras espaçadas, percebe-se que Dilma não queria ser Presidente e foi praticamente obrigada, e com isso é notal o olhar de tristeza dela e de como ela não tinha muito escolha nem do que lhe era “oferecido”.

Critica Democracia em Vertigem

As nuances percebidas sobre o comportamento de Temer na posse de Dilma foi lindo, a narração é tecnicamente primorosa e orna bem com o que realmente viria a seguir. Quase como se fosse tudo um teatro, todo orquestrado…e de certa forma foi.

Critica Democracia em Vertigem

A melhor cena, é onde uma das mulheres responsável pela limpeza da residencia presidencial desabafa e fala sobre a inexistência da democracia no Brasil. É impressionante acompanhar como ela conseguiu mudar ou entender melhor seu ponto de vista com as próprias palavras que saiam de sua boca, ela foi desabafando e entendo a real situação atual.

Critica Democracia em Vertigem
A forma com que Bolsonaro é citado é curiosa, ele mal aparece e quando aparece é minunciosamente ausente, quase que não é percebida a sua presença. Ele aparece exatamente 3 vezes no filme, na apresentação, para dizer que vai se eleger e quando já esta eleito. Acredito que seria bom ter visto mais sobre o que ele pensava a respeito de tudo, já que ele era um dos principais fatores da “Democracia em Vertigem”.

Nota: 9,5/10