Noite Passada em Soho (2021) | Critica: “Uma obra para se encher os olhos na tela grande do cinema”

Resenha critica do filme Noite Passada em Soho (2021). Sinopse: Eloise (Thomasin Mckenzie), é uma jovem apaixonada por design de moda que consegue, misteriosamente, voltar à década de 1960. Lá, ela encontra Sandy (Anya Taylor-Joy), uma deslumbrante aspirante a cantora por quem é fascinada. O que ela não contava é que a Londres dos anos 1960 pode não ser o que parece, e o tempo passa cada vez mais a desmoronar, levando a consequências sombrias.

Noite Passada em Soho Critica

Noite Passada em Soho Critica

Edgar Wright é um diretor conhecido por produções que além de serem um grande entretenimento, também é um diretor que não dispensa a técnica. Em um espetáculo visual, sonoro e de excelente montagem ‘Noite Passada em Soho‘ é cinema puro e ainda sim consegue ser uma produção que agrade todos os públicos.

Noite Passada em Soho Critica

A abordagem do longa lembra um pouco o filme ‘Maligno‘ lançado também esse ano, mas que aqui é melhor executado, além de possuir uma trilha sonora fabulosa, que ajuda a conduzir a narrativa, muitas vezes descrevendo situações da protagonista mas sem ser tão obvio.

Noite Passada em Soho Critica

As cores do filme preenchem a tela, quando não é sóbrio e em cores leves, o filme trabalha bem o neon, sem ser gratuito demais, como muitos filmes fazem para dar um certo charme as cenas, porém, em ‘Noite Passada em Soho‘ é aplicado muito naturalmente.

Noite Passada em Soho Critica

Do começo até a metade, ‘Noite Passada em Soho‘ é puro glamour em um mistério intrigante, com imagens de encher os olhos. Depois o filme abraça o terror, colocando criaturas sombrias e apostando mais em “sustos fáceis” que mesmo batidos funcionam quando utilizados nessa proposta.

Noite Passada em Soho Critica

Noite Passada em Soho‘ aborda muitos temas, como: Saúde mental, machismo de ontem e de hoje, mediunidade, choques culturais, doenças hereditárias, e tudo isso em uma narrativa muito interessante e que permite o espectador a especular sobre o que esta acontecendo, deixando pequenas pistas. É uma obra para se encher os olhos na tela grande do cinema.

Nota