Critica | Mank (David Fincher, 2020)

Resenha Critica do filme Mank (2020). Sinopse: A história tumultuosa de Herman J. Mankiewicz, roteirista da obra-prima icônica de Orson Welles, “Cidadão Kane” e sua luta contra Welles pelo crédito do texto do grandioso longa.

Critica | Mank (David Fincher, 2020)

mank

Mank é um filme totalmente criado para a apreciação da academia do Oscar. Com uma narrativa carregada, sem ritmo e em preto e branco, tem basicamente tudo que os jurados da premiação gostam, até mesmo um elenco de peso seguido de uma direção de nome, no caso David Fincher.

mank

Acredito que nem mesmo as atuações estão boas, tendo em vista que aparentemente os próprios atores não fazem ideia do que esta acontecendo em cena, com diálogos confusos e auto referencias que só quem é do meio consegue capitar, e obvio que vai, a ideia é garantir esses prêmios pela identificação mesmo.

mank

A edição de som é deslumbrante, já que o áudio foi todo criado para passar a impressão de que é um filme de época, o que de fato acontece.

O filme esta tão focado em agradar premiações que esquece que existe um público que vai assisti-lo, e dito isso, afirmo que Mank é um filme não só cansativo – pelos motivos errados – como também é pedante a ponto de não se importar com nada além de si, como se uma arte revolucionária estivesse sendo construída quando na verdade não passa de incansáveis minutos de pura bajulação tediosa.

mank

mank

Reply