Filme Ameaça Profunda (Underwater, 2020) | Critica

Filme Ameaça Profunda ou Underwater (2020), estrelado por Kristen Stewart e direção de William Eubank. no elenco também tem T. J. Miller, Vincent Cassel, John Gallagher Jr., Jessica Henwick e Mamoudou Athie. Orçamento de US$65 milhões.

Amizade Desfeita 2 Filme (Unfriended: Dark Web, 2018) | Critica

Ready or Not (Casamento Sangrento) – Critica do Filme

Sonic O Filme 2019 (Sonic The Hedgehog) | Critica

Filme Ameaça Profunda (Underwater, 2020) | Critica

filme ameaça profunda

Ameaça Profunda é uma farofa boa, se você desconsiderar o alívio cômico e jumpscares que não funcionam e conseguir enxergar alguma coisa nas cenas em baixo d’água. O filme cumpre bem o intuito de entretenimento, tenta apresentar alguma profundidade mas nunca sai do raso.

filme ameaça profunda

Kristen Stewart é o ponto alto, consegue passar a emoção necessária que sua personagem precisa e explora bem o roteiro que lhe é entregue. Ela é a melhor do elenco, que é composto por esteriótipos de pessoas que parecem estar ali apenas para cumprir uma função limitada. Fica claro o desfecho de cada um deles e aos poucos o filme passa a se tornar previsível.

filme ameaça profunda

Absolutamente todas as cenas em baixo d’água sofrem com o mesmo problema de não dar visão ao expectador. Não sabemos onde os personagens se encontram e quando começa a ação, a câmera gruda no rosto deles e perdemos totalmente a imersão pois estamos ocupados demais tentando entender o que esta acontecendo na tela.

O CGI não é o dos melhores e talvez por isso a escuridão é utilizada exageradamente. Também tem o contraponto com a última frase da protagonista que fala sobre escuridão e luz, talvez seja algum tipo de conceito que foi mal utilizado.

Humor sem graça

filme ameaça profunda

O alívio cômico é totalmente fora de tom, não existe motivo algum para colocar um personagem apenas para ser usado como piada e não dar nada além disso para ele, o filme poderia sobreviver sem essas tentativas de inserir humor que não cabe.

filme ameaça profunda

Assim como o humor deslocado, as cenas envolvendo jumpscare não funcionam. Não existe construção necessária de suspense, o barulho alto é colocado na tentativa de assustar a audiência mas em troca não existe um susto real, pois a tensão não é trabalhada direito.

filme ameaça profunda

O filme fala basicamente de solidão, de como precisamos entender e amadurecer com ela. A personagem de Kristen Stewart é bastante sozinha e todo ambiente em sua volta amplia esse sentimento. Pensamentos negativos de auto depreciação, por achar que merece ser solitária, é muito abordado durante o longa e o final encerra com uma frase de impacto que dialoga com a protagonista, fazendo ela entender suas reais motivações.

Reply