Rua do Medo: 1994 | Critica: Um grande tributo aos slashers dos anos 80

Resenha Critica do filme Rua do Medo: 1994 – Parte 1 (2021). Sinopse: Depois de uma série de assassinatos brutais, um grupo de adolescentes enfrenta uma força maligna que aterroriza a cidade há séculos. Bem-vindos a Shadyside.

Rua do Medo: 1994 | Critica: Um grande tributo aos slashers dos anos 80

Rua do Medo: 1994 – Parte 1″ é um grande tributo aos filmes de slashers (filmes sobre assassinos em série) dos anos 80 e 90, chegando a literalmente reproduzir algumas cenas famosas quadro a quadro como referencia direta ao filme Pânico, por exemplo, isso já no começo do longa. A trama carrega um aspecto juvenil mas bastante sangrento e que flerta demais com o trash, o que de fato existiam nesses filmes slashers onde eram usados muitos efeitos práticos e exagero nas mortes, é de fato uma grande homenagem que deve agradar bastante os fãs do gênero mas que também funciona como uma obra individual.

Critica Rua do Medo 1994

A trilha e o visual do filme são bem característicos da época, já que o filme se passa nos anos 90, assim como muitas lendas urbanas que foram bastante difundidas nesse período que até hoje são lembradas.

Critica Rua do Medo 1994

Embora o foco seja nas referencias do terror de slasher, o filme também aposta no sobrenatural, apresentado 3 assassinos diferentes e ignorando o famigerado “quem esta mantando?” já que a ideia não é saber quem estar por trás da mascara e sim sobreviver.

Critica Rua do Medo 1994

Quem gosta de filmes como “A Baba” e “A Morte te da Parabéns” certamente deve gostar desse também. Claro que para quem for assistir esperando uma coisa que o filme nunca prometeu, a frustração é inevitável.