Critica | Heartstopper (Netflix, 2022)

Resenha critica da série Heartstopper (Netflix, 2022). Sinopse: Nesta série sobre amadurecimento, os adolescentes Charlie e Nick descobrem que são mais que apenas amigos e precisam lidar com as dificuldades da vida escolar e amorosa. Heartstopper é uma série de televisão via streaming britânica de drama adolescente LGBT criada por Alice Oseman, baseada em sua webcomic e história em quadrinhos homônima. A série teve sua produção feita pela See-Saw Films e é distribuída pela plataforma Netflix.

Critica Heartstopper (Netflix, 2022)

Critica Heartstopper

Tudo bem que séries adolescentes tem a rodo em todos os streamings, ‘Heartstopper‘ também é uma série que quase não tem nada de diferente do que já vimos antes, porém, o diferencial aqui é a abordagem da sexualidade na adolescência, os interesses românticos e tudo contado da forma mais singela possivel. Queria eu ter tido a oportunidade de ter assistido uma série assim na minha infância/adolescência, por outro lado fico feliz por essa geração que pode enxergar que uma vida é possivel, além dos temas pesados que cercam os romances LGBTQIAP+.
Critica Heartstopper
Em 8 episódios, somos apresentados a um grupo de personagens bem característicos e com suas individualidades, a série destaca todas as letras da sigla LGBTQIAP+, dando voz a questões básicas em um contexto colegial mas sem pesar a mão na realidade, pois quem é LGBT sabe que a fase do colégio não é uma das mais fáceis. Mas a abordagem doce e sonhadora que ‘Heartstopper‘ mostra, funciona quase como um abraço de reconforto. Não tem como não dar um suspiro de felicidade a cada conquista “boba” dos personagens, é praticamente um espelhamento de um sonho possivel. Em alguns essa série pode gerar até certos gatilhos por conta do nível de positividade, por que no fim das contas quem não queria viver na mesma intensidade o que eles estão vivendo e sem o medo que a sociedade emprega?
Critica Heartstopper
Das produções com temática LGBTQIAP+, ‘Heartstopper‘ é a mais aconchegante, uma história de amor, amizade, descobertas, sentimentos positivos que acende aquela ponta de esperança a uma comunidade quase quase sem voz de representatividade nas séries e filmes, em meio a tantas histórias iguais, que só o simples fato de existir um personagem de identificação, já é muito, já mostra que é possivel ser.
Nota
Critica Heartstopper