Coringa Filme (2019) | Joaquin Phoenix é o Coringa definitivo – Critica

Coringa Filme (2019) Critica – reformula tudo que já conhecemos de filmes de heróis e da inicio a um novo conceito do gênero, trazendo relações mundanas com o ficcional da mente doentia de um homem que não tem mais nada a perder. Uma história brutal que esta longe de ser algo comum para um filme do tipo; Um drama pesado, cenas extremamente gráficas e uma atuação digna de uma indicação ao Oscar pela brilhante performance de Joaquin Phoenix.

Coringa Filme (2019)

coringa filme

O comediante falido Arthur Fleck encontra violentos bandidos pelas ruas de Gotham City. Desconsiderado pela sociedade, Fleck começa a ficar louco e se transforma no criminoso conhecido como Coringa.

coringa filme

jake gyllenhaal filmes
game of thrones ao vivo
assistir dragon ball heroes

coringa filme

Phoenix esta no seu ápice de entrega, todo trabalho corporal, trejeitos e tom de voz é notável, o filme entende que toda essa entrega do ator precisa ser mostrada da melhor forma possível, filmando cenas onde destacam os ossos no corpo e seu andar fragilizado, até mesmo o olhar no rosto de alguém que esta totalmente perdido.

coringa filme

Existem claras referencias aos filmes “Taxi Driver” e “O Rei da Comédia“, que curiosamente também tem o Robert De Niro no elenco, então recomendo que assista a esses dois filmes antes de Coringa.

O filme é cheio de surpresas e momentos de virada que pelos trailers não tem como adivinhar, os trailers não entregam nada. Boa parte do longa é composta por drama e construção de personagem que é uma das melhores já realizadas no cinema atual. Cada momento de Phoenix em cena é fundamento para o crescimento de seu personagem, o filme é dele.

coringa filme

Toda brutalidade, maniqueísmo e polarização do filme pode ser não só um gatilho como algo pior para quem já esta propicio a tais ações. O filme tem classificação indicativa para 16 anos, mas deveria ter para no minimo 18+, pois é claro a necessidade de ter um pensamento estável para entender essa história e compreender que não passa de ficção.