Critica: Cabra Marcado Para Morrer (1984)

Cabra Marcado Para Morrer” (1984) é um documentário brasileiro dirigido por Eduardo Coutinho. O filme é uma obra-prima do cinema brasileiro e é considerado um dos mais importantes documentários já feitos no Brasil.

audiencia da tv

resenha critica

bastidores da tv

tudo tv

Últimas noticias

resumo das novelas

Noticias dos famosos

Critica do filme Cabra Marcado Para Morrer

O filme conta a história de João Pedro Teixeira, camponês e líder de um sindicato de trabalhadores rurais da região Nordeste do Brasil, assassinado em 1962 durante a ditadura militar. Coutinho começou a fazer um filme sobre João Pedro em 1964, mas o projeto foi interrompido abruptamente pelo golpe militar.

Vinte anos depois, Coutinho voltou à região para finalizar o filme. Ele encontrou os camponeses que haviam participado do projeto original e decidiu entrevistá-los sobre suas vidas durante os anos intermediários.

O filme é uma exploração poderosa e comovente da complexa paisagem social e política do Brasil. Coutinho usa entrevistas com os camponeses, imagens de arquivo e encenações dramáticas para contar a história de João Pedro e sua luta por justiça.

Uma das coisas mais impressionantes sobre o filme é a sua honestidade. Os camponeses falam abertamente sobre suas vidas, suas lutas e seus sonhos. Eles falam sobre suas experiências de pobreza, opressão e violência, mas também compartilham suas esperanças de um futuro melhor.

O filme também é uma prova do poder da memória. Coutinho usa as encenações para mostrar como a memória pode ser evasiva e transformadora. Os camponeses lembram de João Pedro e suas lutas com um misto de dor, nostalgia e orgulho. Suas memórias nem sempre são precisas, mas são sempre significativas.

Outro ponto forte do filme é sua fotografia. Coutinho usa tomadas longas e planos estáticos para criar uma sensação de intimidade com seus súditos. Ele permite que os camponeses falem por si mesmos, sem impor sua própria voz ou agenda ao filme.

Por fim, o filme é uma poderosa crítica ao sistema político brasileiro. Coutinho mostra como os camponeses estão presos em um ciclo de pobreza e opressão, e como suas lutas por justiça são muitas vezes ignoradas ou silenciadas pelo governo e pela mídia.

Cabra Marcado Para Morrer” é um filme marcante que merece ser visto por qualquer pessoa interessada na história, política e cultura brasileira. É um retrato comovente e honesto de um país e seu povo, e um poderoso lembrete da importância da memória e da justiça. O talento de Eduardo Coutinho como cineasta transparece ao longo de todo o filme, tornando-o uma obra-prima do cinema documental.

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer

Cabra Marcado Para Morrer




Reply

Deixe uma resposta