Terrorista Sara Giromini perde canal do Youtube após incitar ódio contra criança estuprada

A Terrorista Sara Giromini perde canal do Youtube, na manhã desta terça-feira, dia 18 de agosto. A sua conta foi encerrada por ter descumprido uma série de regras do site, entre elas, a Bolsonarista divulgou o endereço e convocou religiosos extremistas para fazerem baderna em frente ao Hospital em que esta uma criança de 10 anos estuprada e gravida, que estava prestes a realizar uma cirurgia.

Terrorista Sara Giromini perde canal do Youtube após incitar ódio contra criança estuprada

Ordem cronologica Marvel

Ponto Cego

Assistir Eu a Patroa e as Crianças Online ao vivo

Terrorista Sara Giromini

A direção do hospital chamou a policia para tentar conter as pessoas no local, e tudo saiu fora de contra em questão de minutos. Muitos dos extremistas no local chegaram a chamar a criança de assassina.

Além do Youtube, a Terrorista teve sua conta no twitter e Facebook bloqueados, porém, ela continua criando novas contas e ainda sim mantem o discurso de ódio contra a criança.

Confira a nota do Youtube:

“O YouTube tem políticas rígidas que determinam os conteúdos que podem estar na plataforma e encerramos qualquer canal que viole repetidamente nossas regras. Aplicamos nossas diretrizes de forma consistente e independente de ponto de vista. Apenas no primeiro trimestre de 2020, encerramos globalmente mais de 1,9 milhão de canais da plataforma. No mesmo período, no Brasil, foram removidos mais de 480 mil vídeos que desrespeitavam nossas políticas.”