MC Bin Laden, do BBB 24, Enfrentou Obstáculos com o Consulado dos EUA devido ao Nome Artístico

Durante o Big Day, evento que revelou os primeiros integrantes do Grupo Camarote no BBB 24, MC Bin Laden, também conhecido como Jefferson Cristian dos Santos Lima, compartilhou uma curiosa e controversa história sobre sua carreira. O funkeiro, famoso por seu nome artístico, enfrentou desafios para obter visto para os Estados Unidos devido à associação com o nome do notório terrorista, Osama bin Laden.

Em 2016, após receber um convite do renomado Museu de Arte Moderna de Nova York (Moma) para se apresentar em um festival, MC Bin Laden esbarrou na recusa do consulado americano. As autoridades expressaram preocupações sobre o motivo por trás da escolha do nome artístico e pediram esclarecimentos sobre o videoclipe intitulado “Bin Laden Não Morreu”. Apesar de argumentar que não fazia apologia ao terrorismo, o funkeiro não conseguiu convencer as autoridades americanas.

Com apenas 20 anos na época, MC Bin Laden revelou que seu nome artístico foi sugerido pela KL Produtora, pois achavam seu nome original fraco. Explicando a escolha, o cantor afirmou que o apelido era uma referência ao seu estilo “louco de ser”, destacando a intenção de trazer algo inovador para o universo do funk.

Em uma entrevista ao ‘Fantástico’ da Globo, Bin Laden compartilhou que a proposta era criar algo único e ousado, alinhado ao seu estilo inovador no mundo do funk. No entanto, recentemente, o participante do BBB 24 expressou a possibilidade de mudar seu nome artístico, indicando uma reflexão sobre a controvérsia associada ao seu apelido.




Reply

Deixe uma resposta