Critica | Vai que Cola 2 – O Começo (2019)

Critica | Vai que Cola 2 – O Começo (2019)

Critica – Assim como no primeiro filme, “Vai que Cola 2 – O Começo“, insiste em um humor datado onde não inova em absolutamente nada e segue tentando agradar a mesma parcela de público com as mesmas piadas repetidas. Ainda sim, essa sequencia, que na verdade conta uma história anterior, consegue ser melhor que o primeiro filme, muito pelo fato de Paulo Gustavo não estar no elenco.

critica vai que cola 2

Muito antes de socializarem quase todos os dias na pensão da Dona Jô (Catarina Abdala), Jéssica (Samantha Schmütz), Ferdinando (Marcus Majella), Máicol (Emiliano D’Ávila) sequer se conheciam. Mas Terezinha (Cacau Protásio) decide organizar uma grande feijoada no Morro do Cerol, todos eles se encontram pela primeira vez, da maneira mais inusitada possível.

critica vai que cola 2

Critica | Fleabag 1ª e 2ª Temporada (2016-2019)

Critica | Turma da Mônica: Laços (2019)

Critica | The Boys – 1ª Temporada (2019)

critica vai que cola 2

A história concentrada apenas no elenco auxiliar e trazendo eles para a linha de frente, é o que faltou no filme anterior e concertaram nesse. Mesmo a maioria das piadas não tendo graça alguma, o elenco tem muita química e nenhum rouba a frente do outro como Paulo Gustavo tentava fazer, percebe-se que existe sintonia entre eles e esta todo mundo tentando se ajudar por igual.

critica vai que cola 2

Tudo é datado, a trilha sonora principalmente, mas ao contrário do primeiro filme, eles resolvem abandonar o formato de tv e embarcar de vez no cinema, claro que não abandonam por completo, da para notar alguns vícios de roteiro e trilhas que são comuns na série e que aqui são aplicados de novo.

critica vai que cola 2

É notável também o minimo de trabalham que tentam entregar com algumas cenas filmadas de maneiras mais ousadas, com ângulos diferentes e paleta de cores verde e vermelho em cenas de perigo e descoberta. A metáfora visual usada sobre “cair de paraquedas” é um meio de fazer humor e ao mesmo tempo agilizar a trama que deu certo.critica vai que cola 2

Existe muitas referencias a filmes conhecidos, como Matrix (1999), O Rei Leão (1994) e A Coisa (1985), mas não é nada muito sutil; Além das referencias serem bem explicitas, os personagens ainda explicam de onde esta vindo a referencia detalhadamente caso o publico não tenha entendido, é bem didático.